APOIO US

Promoção nos EUA

O sucesso de qualquer negócio nos EUA depende de sua habilidade de vender ... e para isso é importante se divulgar e se promover.

Graças à Internet, atividades promocionais tiveram grandes alterações e - em muitos segmentos -é possível concentrar esforços em nichos bastante específicos, tanto em B2B como em B2C.  Seja qual for seu foco, promoção virtual é cada vez mais importante em seu esforço promocional, a começar pelo seu website (que precisa estar em inglês comercial correto).

Website direcionado aos EUA

Empresas do Brasil, especialmente as que ainda não têm presença significativa nos EUA, vão depender muito da qualidade de um (ou mais) websites em inglês.

Um website pode ter diversos objetivos; para ser utilizado no mercado americano deve levar em conta como atingir esses objetivos junto ao público-alvo desejado.  Abaixo está uma relação de alguns desses objetivos e boas práticas para atingir cada um.

Como ser encontrado (sem pagar)

Graças aos websites de busca - search engines - como Google, Bing e Yahoo, um interessado pode digitar o que quer usando palavras-chave, e receber uma lista de resultados que (na "opinião" dos sites de busca) melhor atende o que ele quer.  Esses resultados "orgânicos " são escolhidos por algoritmos (fórmulas extremamente complexas) que cada site de busca utiliza.

Como esses algoritmos incluem uma infinidade de variáveis e são atualizados com frequência, é necessário continuamente (a) avaliar o comportamento de seus visitantes (por exemplo, quais as palavras-chave mais utilizadas) e (b) saber quais os resultados que os visitantes estão recebendo.  Essa atividade é denominada SEO (Search Engine Optimization).

Como ser encontrado (pagando)

A atividade de SEM (Search Engine Marketing) consiste em pagar por anúncios em sites de buscas. que os veicula junto aos resultados orgânicos (não pagos).  Além desses anúncios online (como Google AdWords), existem outras ferramentas promocionais disponíveis para quem quer vender em cenários B2B:

  • Websites industriais (ThomasNet, Alibaba)
  • B2B exchanges
  • Mídias sociais (Facebook, Linked-In, Pinterest, etc.)
  • Diretórios de entidades de classe / setoriais
  • Diretórios de entidades regionais (Chamber of Commerce e similares)
  • Diretórios de participantes e expositores em feiras e eventos

Para empresas brasileiras que desejam ser encontradas por compradores ou investidores nos EUA de determinado perfil, suas atividades de SEO e SEM devem ser bem adaptadas ao comportamento americano, uma vez que seu público-alvo age de forma diferente que no Brasil, a começar pelo idioma.

Como ser confiado e como informar bem

Seu website em inglês precisa "irradiar" confiança e credibilidade.  Abaixo estão sugestões para incentivar ação, especialmente em cenários B2B.

  • Inclua seus dados de contato (endereço, telefone, e-mail) no topo ou no rodapé em TODAS páginas do seu website.
  • Use terminologia e unidades de medida próprias do setor.
  • Alguns mercados étnicos utilizam idioma do país de origem (como espanhol).  Nesses casos, tenha uma versão em inglês e uma em espanhol.
  • Contrate um americano (conhecedor do seu setor) para fazer a revisão final.  No mercado americano não se utiliza o inglês da Inglaterra.
  • Se você oferece produtos sob medida ou produtos adaptados às necessidades do cliente, explique como ele pode obter cotações, amostras, ou maiores informações.
  • Sobre a empresa: concentre-se nos aspectos principais e nos pontos fortes da empresa, evitando detalhes desnecessários.  Inclua fotos e gráficos que mostrem seriedade.
  • Separe conteúdo por assunto e evite páginas grandes demais ou curtas demais.
  • Cuidado com fotos que mostram o que não devem (sujeira, falta de segurança, etc.).
  • Para produtos complexos, inclua links para download de arquivos contendo descrição e especificações técnicas (em PDF, não em Word nem Excel).
  • Se seu produto é muito visual e requer fotos, apresente as fotos pequenas, e inclua links para as fotos em tamanho maior.
  • Se você vai expor em feiras, diga em quais você vai estar presente e como o interessado pode lhe encontrar (número de stand, telefone para contato).
  • Proteja sua propriedade intelectual: inclua "Copyright" em cada página.  Se necessário, controle o acesso a páginas que contém dados confidenciais.

Como ser contatado

  • Na página de contato, inclua endereço completo, e-mail e telefone.
  • Se possível, inclua o nome das pessoas a serem contatadas.
  • Em formulários, evite campos de preenchimento obrigatório.  Melhor receber 10 formulários em branco do que perder um prospecto real que ainda não quer te dizer o nome.
  • Seu domínio na Internet é seu endereço; custa pouco e é muito importante.
  • Se possível, tenha domínio com extensão .com ou .us, além do .com.br.
  • Escolha domínio fácil de lembrar.  Não use caracteres inexistentes em inglês (ç, á, é ...).
  • Utilize um sistema CRM (Customer Relationship Management) coordenar os contatos de sua empresa com prospectos, clientes e fornecedores.